Notícias

Entenda as 5 dúvidas mais comuns sobre Ultrassonografia 3D e 4D


A ultrassonografia é um exame normal em qualquer check-up. Com ele, é possível que o médico avalie os órgãos internos sem procedimentos cirúrgicos.

Esse exame é essencial para diagnósticos médicos. Através dele, o profissional pode chegar a conclusões ou requisitar exames para áreas mais específicas.

Do monitoramento de órgãos até a análise de lesões musculares, a ultrassonografia possui um leque de utilidades.

Porém, sua importância mais conhecida está no acompanhamento da gravidez. Os exames regulares são fundamentais para acompanhar a saúde do bebê ao passar das semanas.

Com os avanços tecnológicos, o ultrassom 3D permite uma imagem detalhada no útero. Já na tecnologia 4D, também é possível ver os movimentos do feto em tempo real.

A evolução rápida de ultrassonografia acaba deixando muitas dúvidas aos pacientes. Por isso, separamos as dúvidas mais comuns para que você esteja preparado para seu próximo exame. Confira:

1. Como devo me preparar para um exame?

É comum que seu médico ou laboratório lhe passe uma lista de instruções para antes do ultrassom. Siga os pedidos para o melhor resultado possível do exame.

É essencial que você não interrompa nenhum medicamento de uso contínuo. Afinal, nenhuma medicação prejudica a eficiência do procedimento.

Caso você possua exames anteriores, é essencial levá-los no dia. Assim, o médico poderá comparar a ultrassonografia passada, e monitorar anomalias.

2. Qual a diferença entre Ecografia e Ultrassonografia?

Não existe diferença alguma entre uma ultrassonografia, ecografia ou ultrassom. Todos são nomes diferentes para o mesmo exame.

O procedimento acontece através da troca de ondas sonoras entre o aparelho e os “ecos” causados pelo corpo. Com isso, é possível que a máquina entenda a distância entre o som e a resposta, formando a imagem que vemos na tela.

Logo, as três definições são maneiras diferentes de descrever o que ocorre no exame.

3. O que acontece se a bexiga não estiver cheia no exame de Ultrassonografia do aparelho urinário?

Durante a espera para o exame, é possível que você seja requisitado a tomar bastante água, e não ir ao banheiro.

Isso porque, para examinar o trato urinário, a parede da bexiga precisa estar estendida. Só assim o órgão pode ser analisado. Quando a bexiga está vazia, é impossível checar seu estado pela ultrassonografia.

Caso o médico repare que sua bexiga não está cheia, é provável que você volte à recepção para tomar mais líquido.

4. Com quantos meses posso visualizar o sexo do bebê na Ecografia?

Em qualquer ultrassonografia, inclusive 3D e 4D, é possível saber o sexo do bebê a partir da 16ª semana.

Porém, este tempo pode variar. Para algumas mamães, é preciso esperar até 18ª semanas. Além disso, se o bebê estiver de pernas cruzadas, a visualização não será possível.

5. Posso ter relações sexuais antes de fazer Ultrassonografia transvaginal?

Esta é uma dúvida frequente, que pode causar incomodo entre pacientes. Porém, é importante lembrar que todo o profissional de saúde trabalha para a promoção do seu bem-estar.

Não há problemas em ter relações sexuais antes de realizar uma ultrassonografia. O exame não será prejudicado.

Antes do procedimento, apenas não se esqueça de seguir as orientações passadas por seu médico ou laboratório.


A ultrassonografia é um exame indolor, rápido e simples. Na hora de realizar o procedimento, procure um laboratório de tecnologia e profissionais com a melhor qualidade.

Tem mais dúvidas sobre ecografia 3D ou 4D? Clique aqui e saiba mais com a CEDIP!