Diabetes — tipos, prevenção e tratamento

O diabetes, ou diabetes mellitus, é uma doença crônica em que o portador sofre com a produção insuficiente ou absorção irregular do hormônio que regula a glicose no sangue, a insulina. Segundo o International Diabetes Federation (IDF), o Brasil é o quarto país com mais casos de diabetes do mundo.

De acordo com a Sociedade Brasileira de Diabetes (SBD), mais de 13 milhões de brasileiros, cerca de 6,9% da população, convivem com essa doença. O diabetes possui mais de um tipo, uma em que o pâncreas para de produzir insulina e outra em que essa produção é reduzida.

O que é insulina e porque ela é importante

A insulina é um hormônio cuja função é controlar a entrada de glicose no sangue. Sendo a glicose fundamental para a realização de atividades celulares. Portanto, a falta ou insuficiência desse hormônio faz com que o organismo tenha alta taxa de glicose na corrente sanguínea.

Por conta disso, a pessoa com excesso de glicose pode vir a sofrer com danos nos rins, derrames, cegueira e, até mesmo, ter que amputar membros.

Tipo 1

Conhecida também como diabetes juvenil, pois é mais comum em crianças e adolescentes, o diabetes tipo 1 é caracterizado quando o pâncreas deixa de produzir a insulina. Estima-se que 1 em cada 10 pacientes com diabetes seja portador da diabetes tipo 1.

Tipo 2

O diabetes tipo 2, o mais comum, acontece quando a produção de insulina é reduzida ou quando a mesma perde eficiência. Além do histórico familiar, hábitos de vida e má alimentação são fatores de risco para o desenvolvimento desse tipo da doença.

Tratamento e cuidados necessários

O diabético necessita de cuidados especiais para que a doença fique controlada e não desenvolva mais complicações. Pessoas com a diabetes tipo 1 precisam tomar doses diárias de insulina. Já quem possui o tipo 2 não precisa, necessariamente, dessa aplicação (desde que o médico indique).

Entre os medicamentos usados, destaque para inibidores da alfaglicosidas, sulfonilureias, que estimulam a produção de insulina e glinidas. Como na maioria das vezes esse tipo de diabetes é acompanhada de outros problemas de saúde, é necessário uma mudança no estilo de vida.

Prevenção do diabetes

A maneira mais eficaz de se prevenir desta doença é por meio da adoção de um estilo de vida mais saudável. Isso inclui a alimentação, que deve ser balanceada e o mais natural possível, evitando alimentos industrializados e/ou ultraprocessados. O consumo de açúcar, gordura e sal deve ser reduzido.

Além disso, deve-se reduzir o consumo de bebidas alcoólicas e tabaco. Outra medida importante é praticar exercícios físicos regularmente, o aconselhado é 30 minutos, pelo menos, todos os dias. Sobretudo, manter o peso controlado e consultar o médico regularmente para realização de exames preventivos.

Fonte: Ministério da Saúde e Sociedade Brasileira de Diabetes.

Voltar